fbpx
CuriosidadesNetflixSéries

Vikings: Valhalla – Como foi possível que o Vidente de Kattegat voltasse na derivada de ‘Vikings’?

Durante a primeira temporada de “Vikings: Valhalla” os fãs ficaram surpresos com a reaparição do Vidente de Kattegat. O personagem se tornou um dos mais importantes de “Vikings”, sendo responsável por revelações sobre o futuro de nomes como Ragnar, Lagertha e Bjorn Ironside.

Realidade ou visão? Como foi possível que o Vidente de Kattegat voltasse no spin-off?

Para responder essa pergunta é preciso explicar alguns detalhes envolvendo a origem do Oráculo. Durante a série, Ragnar Lothbrok conta uma história sobre o casamento do deus Njord com a gigante Skadi, deusa associada a caça, inverno e as montanhas.

O rei de Kattegat então fala sobre as características físicas de Njord, levando a crer que o Vidente fosse a sua representação física na série. Ele ainda cita alguns de seus detalhes físicos como a sua pele envelhecida e murcha e seus pês grandes e lisos.

Um deus nórdico caminhando entre os vivos

Neste momento é mostrado todo o corpo do Vidente com destaque para os seus pés. A cena sugere que ele tenha alguma ligação com Njord, o Vanir dos Mares cujo o nome significa “O sábio”, aquele que tem profundo conhecimento das “emoções mais profundas”.

Outro detalhe é que Ivar matou o Vidente, mas ele retornou nas últimas temporadas, reforçando a sua natureza espiritual e divina. Além disso, o próprio personagem diz em certo momento que já esteve entre o mundo dos mortos e dos vivos, deixando claro que não era uma pessoa comum, mas sim uma “entidade”.

Vidente Vikings
Foto – Reprodução/History/ MGM Television

Por causa disso, não é difícil imaginar que ele retorne em forma de visões ou até mesmo fisicamente nas cenas de “Valhalla”. O Vidente sempre aparece para aqueles que buscam por respostas sobre suas crenças. Na maioria das vezes, ele cria enigmas que acabam se tornando reais no decorrer das temporadas.

Leia também:

Criador de ‘Vikings’ trabalha em nova série sobre Billy the Kid

Michael Hirst tem uma vasta experiência em dramas históricos como “Vikings” e “The Tudors”. Ele também está envolvido com um novo projeto que irá adaptar a história do fora da lei do Velho Oeste Billy the Kid….Saiba mais!

.

.

VEJA TAMBÉM:
Botão Voltar ao topo