fbpx
Séries

Vikings: Criador da série fala sobre depressão de Ragnar Lothbrok

Travis Fimmel finalizou a sua participação em “Vikings” de maneira dramática durante a 4ª temporada. O que mais chamou a atenção foi que antes de sua morte pelas mãos do rei Aelle no poço das serpentes, o guerreiro foi desistindo de viver gradativamente.

É importante salientar que o personagem se tornou poderoso e respeitado, mas não buscava por isso. Suas atitudes o levaram onde ele chegou, descontente com a vida e também com suas perdas.

Michael Hirst falou um pouco sobre a depressão de Ragnar durante o The Hollywood Reporter. De acordo com o showrunner, o rei viking já sabia sobre o seu destino na quarta temporada.

“Ele sabia que voltar seria incrivelmente difícil. Ele era um líder Viking que foi efetivamente derrotado e então abandonou seu povo e sua família. Isso nunca cairia muito bem.”, iniciou.

Na sequência, o criador também falou sobre como Ragnar estava deprimido e o que isso ocasionou em sua vida.

“Ragnar provavelmente esperava a recepção que teve ao voltar para casa, que houvesse resistência e que as pessoas ficassem com raiva. Mas ele também pode ter imaginado que poderia persuadir pelo menos alguns de seus filhos a se juntarem a ele em uma expedição à Inglaterra. Tendo falhado em fazer isso e percebido que o tempo havia passado – que seus filhos haviam mudado, que Floki estava agora mais interessado em trabalhar com Bjorn e que Bjorn tinha suas próprias aspirações –  Ragnar vive em um momento em que está deprimido. Ele sente que falhou.”, completou.

As escolhas de Ragnar resultaram em seu próprio fim. Apesar de ter feito o seu próprio destino, ele percebeu o quanto precisou sacrificar para chegar onde estava e se arrependeu profundamente disso.

Consegue responder essas 10 perguntas sobre a série?

A série “Vikings” fez tanto sucesso que irá ganhar uma derivada na Netflix chamada “Vikings: Valhalla”. Ela irá continuar a história 100 anos após os eventos mostrados na sexta é última temporada.

A ideia é mostrar o fim da chamada Era Viking, quando o paganismo perdeu espaço para o cristianismo. A crença em um só Deus ganhou cada vez mais força fazendo com que os guerreiros remanescentes se convertessem....Faça o teste!

VEJA TAMBÉM:
Botão Voltar ao topo