fbpx
História e ArqueologiaNetflixSéries

Stranger Things: A verdadeira história por trás do personagem Vecna

Um dos personagens mais destacáveis da 4ª temporada de “Stranger Things” foi o vilão Vecna, uma espécie de bruxo do mundo invertido que fez diversas vítimas na parte 1. Na realidade, ele tem origem de um jogo de RPG chamado “Dungeons & Dragons”.

Max Stranger Things música
Foto – Reprodução/Netflix

Inclusive, foi através do título que surgiu a animação “A Caverna do Dragão”, grande sucesso lançado em 1983. Vecna foi nomeado como um dos maiores vilões do RPG, sendo descrito como um poderoso feiticeiro que se tornou uma Lich (criatura morta-viva).

Ao ser destruído, sua mão esquerda e olho esquerdo foram as únicas partes do seu corpo que conseguiram resistir. Vecna alcança a divindade no panteão dos deuses em D&D, sendo o seu símbolo sagrado um olho localizado na palma de sua mão esquerda.

O personagem busca constantemente por poder e tem o objetivo de se tornar a única divindade existente. Na série da Netflix, ele é inserido como um ser maligno que suga a vitalidade das pessoas as fazendo ter visões, dores de cabeça e memórias do passado.

Em “Dungeons & Dragons”, Vecna nasceu como um humano membro da casta intocável na cidade Flan de Fleeth em Oerth. O personagem recebe treinamento em magia de sua mãe, Mazzel, antes de ser executado pelo governo de Fleeth por praticar bruxaria.

Vecna, como retratado na 3ª Edição do livro 
Dungeons & Dragons 
Divindades e Semideuses – Foto/Editora Wizards of the Coast

Seu visual lembra muito o mostrado em “Stranger Things”, que usou como a licença poética para criar outros detalhes e mudanças. Um detalhe é que todas as suas vítimas tem seus ossos quebrados e seus olhos arrancados, uma menção ao visual de Vecna no RPG, descrito como sem o olho e mão esquerda.

VEJA TAMBÉM:
Botão Voltar ao topo