fbpx
FilmesSériesTV e Famosos

O que ‘O Máskara’ e ‘Vikings’ tem em comum?

A série “Vikings” retrata os antigos costumes dos nórdicos do passado. Baseada na Saga de Ragnar Lodbrok e Conto dos Filhos de Ragnar, a trama mistura elementos históricos com ficção e antigas lendas nórdicas.

O filme “O Máskara”, estrelado pelo ator Jim Carrey em 1994, se tornou um grande clássico do cinema e também da TV aberta. Na trama, um bancário desajeitado encontra uma misteriosa máscara.

Ao usá-la, ele ganha poderes e se transforma em um rapaz charmoso e atraente. Com isso, ele consegue conquistar a sua grande paixão, a cantora Tina. Na época em que o filme foi lançado, surgiram vários brinquedos e promoções como Tazos aumentando ainda mais a sua popularidade.

Mas o que ‘Vikings’ e ‘O Máskara’ tem em comum?

Muitos devem estar se perguntando o que duas produções completamente distintas têm em comum. A realidade é que elas têm uma grande ligação relacionada com o segredo por trás da máscara usada por Stanley Ipkiss.

A série “Vikings” apresentou alguns deuses nórdicos ao público como Odin e Loki. Loki é conhecido por ser o deus da trapaça e está diretamente ligado com a máscara. Para entender melhor basta ler um pouco do enredo do filme.

“Mais tarde, Stanley consulta um psiquiatra que publicou recentemente um livro sobre máscaras e descobre que o objeto pode ser uma criação de Loki, o deus nórdico das trevas e do mal”.

Com essa informação fica fácil entender a ligação de ambas as produções. Loki seria o responsável por criar a máscara. Ele é apresentado em “Vikings” várias vezes, assim como na franquia “Thor”.

Veja também:

‘O Máskara’ será exibido na Sessão da Tarde desse sábado

VEJA TAMBÉM:
Botão Voltar ao topo